PLÁSTICA DOS FIOS E ESCOVA PROGRESSIVA: QUAL A DIFERENÇA ENTRE OS PROCEDIMENTOS?

Quando falamos sobre a plástica dos fios, muita gente fica na dúvida sobre a capacidade que ela tem de alisar ou não as madeixas. Entre as donas de fios ondulados, cacheados e crespos, inclusive, existe o medo do tratamento provocar uma mudança definitiva na estrutura dos fios, assim como acontece com a escova progressiva.

Na verdade, os dois processos não têm muita coisa em comum além do alinhamento dos cabelos no resultado — mas é aí que fica a dúvida: o que, exatamente, elas têm de diferente? Descubra mais sobre isso aqui embaixo e decida qual é a melhor opção para a necessidade das suas madeixas!

A PLÁSTICA DOS FIOS É UM TRATAMENTO PARA TODOS OS TIPOS DE CABELO

O primeiro mito a ser quebrado aqui é o seguinte: a plástica dos fios não é um processo de alisamento das madeixas. Ou seja: ela pode ser realizada em qualquer tipo de cabelo, do liso ao crespo. Na verdade, a plástica dos fios tem esse nome porque é um banho intenso de queratina que reconstrói e recupera os fios danificados.

No resultado, é comum que os fios fiquem visivelmente mais alinhados, com menos frizz e ressecamento. Em cabelos cacheados, é comum que aconteça, também, uma diminuição temporária no volume, mas ela passa: logo, logo, seus cabelos vão voltar ao normal, mais fortes e saudáveis do que nunca!

A ESCOVA PROGRESSIVA MUDA COMPLETAMENTE A ESTRUTURA CAPILAR

Como o próprio nome deixa claro, a escova progressiva serve para alisar o cabelo de pouco a pouco. A cada aplicação do produto, mais lisas vão ficar as suas madeixas. A velocidade do resultado varia de acordo com a forma do seu cabelo natural, mas a química utilizada em qualquer um dos tipos de escova progressiva funciona retirando o volume e a ondulação dos fios, alinhando a fibra capilar.

O processo de alisamento deve ser sempre feito por um profissional de confiança, que vai saber manusear a química e seguir o processo de forma efetiva e segura para os seus cabelos.

VOCÊ PODE FAZER OS DOIS PROCESSOS SIMULTANEAMENTE

Como qualquer transformação química, a escova progressiva altera a fibra capilar natural e, nesse processo, pode enfraquecer os fios. Por isso, é bom que as adeptas da mudança frequente mantenham a rotina de cuidados sempre em dia.

O cronograma capilar, geralmente, é uma das principais indicações para essa necessidade e, algumas vezes, a etapa da reconstrução pode ser substituída pela plástica dos fios.

Ela vai deixar os seus cabelos mais alinhados e, dependendo do seu tipo de cabelo natural, ainda pode ajudar a aumentar o intervalo entre uma progressiva e outra, deixando o cabelo com o aspecto de liso por mais tempo.

Fonte: Beleza Extraordinária

Sem Respostas para "PLÁSTICA DOS FIOS E ESCOVA PROGRESSIVA: QUAL A DIFERENÇA ENTRE OS PROCEDIMENTOS?"


    Tem algo a dizer?

    Algum html é OK